Segunda, 20 de Maio de 2024

DólarR$ 5,11

EuroR$ 5,55

Santos

22ºC

Brasil

Brasil tem 22,3 milhões de casos e 619,2 mil mortes

Foram registrados 11.850 diagnósticos e 76 pela doença em 24 horas

Agência Brasil

04/01/2022 - terça às 11h10

Até o momento, 21.591.847 pessoas já se recuperaram da doença - Fernando Frazão/Agência Brasil

O total de pessoas que pegaram Covid-19 desde o início da pandemia no Brasil alcançou 22.305.078. Em 24 horas, secretarias de Saúde de todo o país registraram 11.850 diagnósticos positivos da doença.  
 
Ainda há 94.022.524 casos em acompanhamento, de pessoas que tiveram o quadro de Covid-19 confirmado.
 
O país registrou ao todo 619.209 mortes por Covid-19. De ontem para hoje, autoridades estaduais e municipais de saúde confirmaram 76 mortes. 
 
Ainda há 2.830 falecimentos em investigação, dados relativos a ontem. Essa situação ocorre pelo fato de haver casos em que o paciente faleceu, mas a investigação se a causa foi Covid-19 ainda demandar exames e procedimentos posteriores.
 
Até esta segunda-feira, 21.591.847 pessoas já se recuperaram da doença.
 
As informações estão na atualização diária do Ministério da Saúde, divulgada na noite desta segunda-feira, dia 3. O balanço consolida informações sobre casos e mortes enviadas pelas secretarias estaduais de saúde. O estado de Roraima não enviou os dados de hoje.
 
Os números em geral são menores aos domingos, segundas-feiras o nos dias seguintes aos feriados em razão da redução de equipes para a alimentação dos dados. Às terças-feiras e dois dias depois dos feriados, em geral há mais registros diários pelo acúmulo de dados atualizado.
 
Estados
Segundo o balanço do Ministério da Saúde, no topo do ranking de estados com mais mortes por Covid-19 registradas até o momento estão São Paulo (155.216), Rio de Janeiro (69.472), Minas Gerais (56.668), Paraná (40.891) e Rio Grande do Sul (36.445).
 
Já os estados com menos óbitos resultantes da doença são Acre (1.851), Amapá (2.023), Roraima (2.078), Tocantins (3.942) e Sergipe (6.058).
 
Vacinação
Até esta segunda-feira, dia 3, foram aplicadas 308,6 milhões de doses, sendo 157,6 milhões como primeira dose e 134,7 milhões como segunda dose ou dose única. Outros 15,5 milhões já receberam a dose de reforço.

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

ECONOMIA

Prazo de renegociação do Desenrola Brasil acaba nesta segunda

GERAL

Presos no litoral paulista, homens tentaram furtar doações para o RS

EMPREGOS

Localiza&Co; abre 300 vagas para diversos cargos no Centro de Desativação da Companhia em Barueri (S

2
Entre em nosso grupo