Terça, 28 de Maio de 2024

DólarR$ 5,15

EuroR$ 5,60

Santos

24ºC

DOUTRINA ESPÍRITA

Quem foi Dr. Bezerra de Menezes, que dá seu nome à rua do Estuário, em Santos?

O Médico dos Pobres, Dr. Bezerra de Menezes recebeu a alcunha devido a sua solidariedade às pessoas que não tinham dinheiro para comprar remédio, chegando a doar o seu anel de formatura para que uma família pudesse comprar remédios para o tratamento

da Redação BS9 - Victor Persico

13/12/2023 - quarta às 11h23

Dr. Bezerra de Menezes (1831-1900) - Reprodução

Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti nasceu no dia 29 de agosto de 1831, em Riacho do Sangue, município do Ceará. Durante sua vida atuou como médico, militar, escritor, jornalista, político, filantropo, filósofo e expoente da Doutrina Espírita, recebendo a alcunha de "O Médico dos Pobres".

Descendente de uma antiga família de ciganos fazendeiros de criação, ligada à política e ao militarismo, era filho de um tenente-coronel da Guarda Nacional e descendente de Belchior da Rosa, rico comerciante de Porto, em Portugal.

Em 1838 ingressou na escola pública da Vila do Frade, atual Jaguaretama. Quatro anos depois, mudou-se para Vila de Maioridade, na Serra do Martins, devido a consequência de perseguição política e dificuldades financeiras.

Iniciou os seus estudos na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, onde dava também aulas particulares de filosofia e matemática para prover os seus estudos, tendo também ingressado como residente no hospital da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro. Graduou-se em 1856, no mesmo ano que o Governo Imperial decretava a reforma do Corpo de Saúde do Exército Brasileiro, onde viria a ser convidado a ser assistente do cirurgião Dr. Manuel Feliciano Pereira Carvalho.

No período de 1859 e 1861 foi redator dos Anais Brasilienses de Medicina, periódico da Academia Imperial de Medicina. 

Por sua postura de médico caridoso, atendento pessoas que necessitavam mas não podiam pagar, ficou conhecido como O Médico dos Pobres. Em um episódio, doou seu anel de grau em medicina a uma mãe para que comprasse os remédios que seu filho precisava.

Conheceu a Doutrina Espírita após o lançamento em português de O Livro dos Espíritos, vindo a contribuir para a sua adesão o contato com as "curas extraordinárias" obtidas pelo médium João Gonçalves do Nascimento. Com Reformador, em 1883, passou a colaborar com a redação de artigos doutrinários.

Após estudar as obras de Allan Kardec, em 16 de agosto de 1886, justificou a sua opção de abraçar o Espiritismo, perante mais de 1500 pessoas, no salão de conferências da Guarda Velha, no Rio de Janeiro. No ano seguinte iniciava uma série de artigos sobre a doutrina em O Paiz. Assinando como "Max", os artigos saíam regularmente aos domingos, de 1887 até 1893.

Foi em meio a grandes dificuldades financeiras que um acidente vascular cerebral o acometeu, vindo ele a falecer na manhã de 11 de abril de 1900,[13] depois de meses acamado. Não faltaram aqueles, pobres e ricos, que socorreram a família, liderados pelo Senador Quintino Bocaiúva.

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

A SUA RUA

Quem foi José Bonifácio?

HISTÓRIA

Quem foi Amador Bueno, administrador e proprietário de terras que dá nome à rua em Santos?

HISTÓRIA

Quem é Francisco Manoel, que dá nome a rua no Jabaquara, em Santos?

2
Entre em nosso grupo