Terça, 28 de Maio de 2024

DólarR$ 5,15

EuroR$ 5,60

Santos

24ºC

10º Presidente do Brasil

Quem foi Delfim Moreira, Presidente que dá nome à rua do Embaré?

Mesmo com o curto período na presidência, entre seus feitos, destaca-se os problemas sociais causados pela crise orçamentaria decorrente da Primeira Guerra Mundia, a reforma da administração do território do Acre, a republicação do Código Civil Brasileiro

da Redação BS9 - Victor Persico

06/12/2023 - quarta às 09h37

Na chapa de Rodrigues Alves, foi eleito vice-presidente, assumindo a presidência logo após o falecimento de Alves - Reprodução

Advogado e político brasileiro, Delfim Moreira da Costa Ribeiro nasceu em Cristina, município de Minas Geirais, no dia 7 de novembro de 1969.

Em 1890, Delfim formou-se na Faculdade de Direito de São Paulo, onde logo em seguida pertenceu à geração de republicanos históricos mineiros, chegando ao cargo de deputado estadual de 1894 a 1902, sendo nomeado secretário do interior de Minas Gerais. Durante os anos de 1941 a 1918 foi governador do estado de Minas Geirais.

Na chapa de Rodrigues Alves, foi eleito vice-presidente, assumindo a presidência logo após o falecimento de Alves, vítima da Gripe Espanhola, até que fossem convocadas novas eleições. Nessa época, a Constituição previsa que o vice-presidente só assumiria definitivamente caso o presidente morresse depois de decorridos dois anos de sua posse.

Em seu governo, o Brasil se fez representar na Conferência de Paz em Paris, pelo senador Epitácio Pessoa, eleito presidente em 13 de maio. Logo após seu retorno, Delfim passou-lhe o cargo, voltando à presidência. Contudo, mesmo com o curto período, destaca-se os problemas sociais causados pela crise orçamentaria decorrente da Primeira Guerra Mundia, a reforma da administração do território do Acre, a republicação do Código Civil Brasileiro, com várias correções ao texto de 1916 e intervenção ao estado de Goiás.

Entretanto, Delfim sofreu de arteriosclerose precoce durante sua presidência, o que o deixava totalmente desconcentrado e desligado de suas tarefas, onde quem tomava as decisões era o ministro Afrânio de Melo Franco.

Quando morreu, no dia 1 de julho de 1920, ocupava a vice-presidência do governo de Epitácio Pessoa, sendo substituído por Francisco Álvaro Bueno de Paiva. 

Na história da política brasileira, Delfim e Augusto Rademaker, presidente da Junta Militar de 1969, foram os únicos a terem exercido a presidência para depois a vice-presidência.

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

A SUA RUA

Quem foi José Bonifácio?

HISTÓRIA

Quem foi Amador Bueno, administrador e proprietário de terras que dá nome à rua em Santos?

HISTÓRIA

Quem é Francisco Manoel, que dá nome a rua no Jabaquara, em Santos?

2
Entre em nosso grupo