Sexta, 23 de Fevereiro de 2024

DólarR$ 4,98

EuroR$ 5,39

Santos

29ºC

SANTOS NA SÉRIE B

Santos vira campo de guerra após rebaixamento histórico do alvinegro praiano

Após o queda histórica para a série B, torcedores revoltados depredaram ônibus e carros e atearam fogo nos veículos que estava no entorno da Vila Belmiro, a polícia conteve os torcedores com spray de pimenta e bala de borracha

Da Redação BS9 - Isabella Monteiro

07/12/2023 - quinta às 12h00

Santos vira campo de guerra após caída do time para a série B - Foto: Reprodução/ Instagram

Na noite de ontem, quarta-feira (6), aconteceu um momento histórico na Vila Belmiro, pela primeira vez em 111 anos, o Santos F.C clube foi rebaixado e irá jogar a série B, na temporada de 2024. 

O jogo que ocorreu na casa do alvinegro praiano contra o Fortaleza, pela luta contra o rebaixamento, terminou em 1x2 para o time visitante. Após o segundo gol, o árbitro Leandro Pedro Vuaden precisou paralisar a partidar por conta de bombas que estavam sendo arremessadas pelos torcedores. 

Muitos protestos contra o time e o atual presidente Andrés Rueda vieram do setor das organizadas. Muitos torcedores que estavam em outros setores do estádio sofreram com o spray de pimenta que a polícia usou para conter os ânimos. 

A jornalista Eduarda Antunes estava presente no estádio quando começou a ocorrer a confusão. "Eu estava bem naquela parte de vidro, e quando acabou o jogo, o pessoal lá de cima começou a arrancar as cadeiras, jogar chinelo, comida, e aí eu subi para me esconder e fiquei por lá por 15 minutos, até ir embora" citou Eduarda. 

Fora do estádio, o cenário era de um campo de guerra. Entre os arredores da Vila Belmiro e pelo canal 1 e 2 houveram depredamentos e ateamentos de fogo em carros e ônibus municipais e intermunicipais. 

A cavalaria da tropa de choque usou spray de pimenta para conter os torcedores. 

"Mandaram a gente sair pelo lado direito para não passarmos pela confusão, pegamos spray de pimenta e foi horrível, tive que por a camisa no rosto,  isso tudo e eu estava longe da briga. Foi uma cena de guerra, foi bem feio, eu fiquei com medo, foi a primeira vez que eu fui para o estádio e fiquei com medo de verdade de acontecer alguma coisa" finalizou a jornalista. 

Na rua tiradentes, entre seis e sete carros foram queimados. Segundo o Uol, um desses carros pertence a família do atacante Mendonza.

Por volta das 2 horas a delegação dos dois times continuava dentro do estádio por conta do clima hostíl do lado de fora.

Dentro do canal 1 foram encontrados vários patinetes boiando no canal. 

A bilheteria do estádio foi depredada e a fachada do Centro de trenimanento Meninos da Vila foi pichada com a seguinte frase: "Time sem vergonha". 

Segundo a Secretária de Segurança Pública de São Paulo, 11 políciais ficaram feridos e duas viaturas foram danificadas. De acordo com a pasta, torcedores avançaram contra os policiais arremessando garrafas, pedras e fogos de artifício. Os agentes usaram munição de menor potencial ofensivo para dispersar o tumulto.

Por meio de nota, a Prefeitura de Santos informou que seis ônibus da frota municipal foram incendiados e mais quatro depredados, além de quatro de linhas intermunicipais danificados e oito veículos particulares vandalizados. Os coletivos já estão sendo substituídos por veículos reservas para não prejudicar os usuários. 

Ainda por meio da nota a Prefeitura informou que está fazendo o levantamento de equipamentos públicos vandalizados, principalmente lixeiras (os contentores de resíduos ao redor do estádio são retirados em dias de jogos) para programar o reparo. 

A UPA Central realizou o atendimento de 10 pessoas que estavam nas imediações da Vila Belmiro, após o jogo desta quarta-feira (6), sendo nenhum caso grave. Todos foram liberados após receber assistência na unidade de saúde, que fica próxima do estádio.

A Redação do BS9 News entrou em contato com a Polícia Militar, Piracicabana e EMTU mas não obteve nenhuma resposta até a publicação dessa matéria. 

 

 

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

GUARUJÁ

Posto de Atendimento ao Trabalhador oferta 20 vagas de emprego nesta sexta

EDUCAÇÃO

São Vicente promove 'Dia E da Educação' nesta sexta (23) com inauguração de escola

SAÚDE

Cidade de Santos prossegue com testagem da covid-19 em seis policlínicas

2
Entre em nosso grupo