Segunda, 20 de Maio de 2024

DólarR$ 5,11

EuroR$ 5,55

Santos

21ºC

Litoral

Guarda Civil Municipal alerta para o risco de pipas com cerol nas praias

Objetivo é diminuir o número de acidentes e até mortes

Redação BS9

03/01/2022 - segunda às 09h30

Tanto o uso quando a comercialização são proibidos no município - Divulgação/PMPG

Uma mistura que pode ser fatal: pó de vidro e cola. O cerol pode acabar não apenas com a brincadeira, mas também com a vida das pessoas. Com o objetivo de orientar quem empina pipa, também conhecido como papagaio, e diminuir os riscos de acidentes e até mortes, a Guarda Civil Municipal (GCM) de Praia Grande realiza fiscalizações e trabalhos de orientação sobre o perigo da linha de pipa com cerol.
 
Para fazer cumprir o que determina a legislação municipal, a GCM intensifica a fiscalização do uso e comercialização de linhas de pipa com cerol, além do porte e posse da substância constituída de vidro ou ferro moído e cola (cerol), além da linha encerada com quartzo moído, algodão e óxido de alumínio (linha chilena), e de qualquer produto utilizado na prática de soltar pipas que possua elementos cortantes.
 
A fiscalização é feita principalmente pelas equipes que realizam o patrulhamento pelas areias da praia, e de moto, que atua mais nas margens da Via Expressa Sul, por onde passam muitos motociclistas.
 
Para a comandante da Guarda Civil Municipal, Silvia Regina Delgado, a prevenção é o principal objetivo desse tipo de trabalho, mas havendo necessidade as equipes apreendem o material. “As equipes buscam sempre conversar com as crianças ou até mesmo com os pais, orientando sobre os riscos do cerol. É preciso que todos se conscientizem de como essa prática é perigosa e pode acabar com a alegria de muita gente”.
 
A legislação prevê ainda que o estabelecimento que for flagrado comercializando o produto está sujeito à cassação da licença de funcionamento, com lavratura de termo de fechamento administrativo, sem prejuízo das demais penalidades previstas em lei.
 
A corporação conta ainda com a ajuda da população, que pode fazer denúncias através do telefone 199 ou 153.

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

EDUCAÇÃO

Projeto "Gabinete Aberto" leva alunos de escola de São Vicente para conhecerem Prefeitura

COMA BEM

Caminhão do Peixe em Guarujá tem pescados a preços acessíveis

CONTRA INVASÕES

Bertioga interrompe comércio ilegal de lotes em operação com a polícia ambiental

2
Entre em nosso grupo