Domingo, 21 de Abril de 2024

DólarR$ 5,20

EuroR$ 5,54

Santos

24ºC

Brasil

Cidade do interior de SP decreta quarentena mais uma vez

Medida acontece para tentar deter o avanço da variante ômicron do coronavírus

Redação BS9

07/01/2022 - sexta às 15h14

Nos últimos sete dias foram registrados 194, um aumento de 12 vezes se comparado à semana anterior - (foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Nesta sexta-feira, dia 7, a prefeitura de Amparo se tornou a primeira do Estado de São Paulo a decretar novamente o fechamento de bares e restaurantes. A medida acontece a partir das 22h para tentar deter o avanço da variante ômicron do coronavírus.
 
Amparo, que faz parte do Circuito das Águas e se localiza próximo a Campinas, tem 72 mil habitantes e viu os números de infectados por covid subir exponencialmente nos últimos sete dias. Foram registrados 194, um aumento de 12 vezes se comparado à semana anterior, na qual foram apenas 16 casos.
 
No decreto assinado pela prefeitura, bares e restaurantes precisam fechar às 22h e terão tolerância de uma hora para finalizar eventuais atendimentos, inclusive para a retirada de pedidos. O funcionamento via delivery segue liberado. O estabelecimento que não seguir as normas deverá pagar uma multa de até R$ 3mil.
 
A medida de restrição do horário dos estabelecimentos noturnos é individual e não segue recomendações do governo do Estado, no qual bares e restaurantes ainda estão liberados para funcionar normalmente. Porém, segundo as regras, as prefeituras têm total autonomia para decretar as normas de estabelecimentos comerciais. 
 
Além dessas restrições, o decreto também proíbe consumo de bebidas alcóolicas, reuniões, concentração ou permanência de pessoas em vias e locais públicos, tais como parques e praças, após as 23h. Nesse caso, a multa para quem infringir as regras pode chegar a R$ 1,5 mil.
 
Também ficam proibidas atividades que promovam qualquer tipo de aglomeração a partir da próxima segunda-feira, dia 10. Aqui se enquadram, inclusive, festas em buffets e locação de imóveis para a temporada. Em caso de infração, a multa varia entre R$ 5 mil e R$ 10 mil, dependendo do caso.
 
Desde o início da pandemia, Amparo já registou 8.550 casos de Covid-19 e 258 mortes.

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

TRANSPORTE

Tarifa zero aumenta número de passageiros, mostra estudo

SAÚDE

Nova vacina contra a covid-19 chega à população em 15 dias

SAÚDE

Inca manifesta apoio a imposto seletivo sobre bebidas alcoólicas

2
Entre em nosso grupo