Domingo, 22 de Maio de 2022

DólarR$ 4,88

EuroR$ 5,15

São Paulo

23º max

11º min

MÉRITO DO TREINADOR

Como Bustos transformou 'excesso de centroavantes' em solução para o Santos

Mudanças têm trazido resultados positivos para o Peixe na temporada

Por Lucas Musetti Perazolli - Da Folhapress

14/05/2022 - sábado às 19h30

No dia a dia do CT Rei Pelé, Fabián Bustos tem estimulado todos eles a aumentarem a polivalência - (foto: reprodução Instagram)

O Santos tem cinco possíveis centroavantes em seu elenco profissional: Marcos Leonardo, Bryan Angulo, Léo Baptistão, Ricardo Goulart e Rwan. Para dar chances a todos, o técnico Fabián Bustos estimula a atuação em outras funções do campo.

Marcos Leonardo, Angulo e Rwan são centroavantes de origem, enquanto Baptistão foi o 9 no ano passado. Já Goulart prefere atuar como meia, mas na comissão técnica existe um entendimento que ele jogaria melhor mais perto do gol adversário.

Na vitória por 3 a 0 sobre o Coritiba, na última quinta, dia 12, pela Copa do Brasil, Bustos escalou o Santos com três deles: Ricardo Goulart como meia-atacante, Léo Baptistão aberto pela direita e Marcos Leonardo de centroavante. No segundo tempo, saíram Goulart e Baptistão para as entradas de Angulo e Rwan. Angulo virou meia e Rwan foi o ponta.

No dia a dia do CT Rei Pelé, Fabián Bustos tem estimulado todos eles a aumentarem a polivalência. A intenção é que os cinco possam alternar entre centroavante, segundo atacante, ponta e meia. Quem menos muda de função é Marcos Leonardo, artilheiro do Santos em 2022 com oito gols.

Quando indicou Bryan Angulo, Bustos já tinha a intenção de usar Léo Baptistão como ponta e sabia do pedido de Ricardo Goulart para ser meia. A ideia foi ter uma sombra para Marcos Leonardo já que Rwan havia acabado de subir ao elenco profissional.

Marcos Leonardo se firmou, Angulo já se mostrou uma boa alternativa e Rwan se adaptou rapidamente. Dessa forma, Angulo tem treinado também mais recuado e Rwan é testado como ponta. Com Rodrigo Fernández e Vinicius Zanocelo para proteger a defesa, o Santos tem atuado frequentemente com quatro atacantes. Diante do Coritiba, Jhojan Julio foi o ponta pela esquerda. Ângelo, com lesão na coxa, está perto de retornar pelo lado direito e Baptistão pode voltar para a armação.

Em 2021, com Ariel Holan, Fernando Diniz e Fabio Carille, o Santos teve dificuldade na posição. Kaio Jorge estava de saída para a Juventus (ITA) e Marcos Leonardo só foi ganhar sequência na reta final do Campeonato Brasileiro. Ponta de origem, Diego Tardelli foi várias vezes o centroavante. Até o baixinho Marcos Guilherme foi falso 9.

Neste ano, o cenário é bem diferente e o Santos está cheio de centroavantes. E centroavantes que com Bustos podem se "multiplicar" em campo.

Bustos gosta de Madson e Auro, mas vê algumas deficiências e quer alguém mais agudo tal qual Lucas Pires na esquerda. Byron Castillo, do Barcelona de Guayaquil (EQU), segue no radar do treinador. Outra possível novidade é Alex, zagueiro emprestado ao Famalicão (POR). Fabián Bustos cogita a reintegração em julho. Alex é canhoto e o Santos não tem nenhum defensor com a perna esquerda dominante.

Com as mudanças dando resultados positivos para o Santos, o técnico quer buscar mais uma vitória para o Peixe neste domingo, dia 15, às 19h, contra o Goiàs, no estádio da Serrinha, em Goiânia. Na vice-liderança do Brasileiro, o clube do litoral paulista segue com dez pontos, dois abaixo do líder Corinthians. Já o Goiás precisa da vitória para se distanciar do rebaixamento. Atualmente, com cinco pontos, está a uma casa da zona da degola, com dois pontos de diferença do Ceará -que abre os clubes na berlinda-, seguido do Juventude, Atlético-GO e Fortaleza.

Estádio: Serrinha, em Goiânia
Horário: 19h deste domingo (15)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Transmissão: Premiere e canal fechado

Deixe a sua opinião

Leia Mais

ver todos

DA BAIXADA SANTISTA PARA O MUNDO

Ana Marcela Cunha garante ouro na Espanha

CHAMPIONS LEAGUE FEMININA

Lyon derrota Barcelona em Turim e conquista Liga dos Campeões

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

Encontro sobre Futebol reúne atletas, treinadores, gestores e empresários na segunda-feira em Santos

2
Entre em nosso grupo